Dez profissões de TI mais quentes

June 23, 2017

A TI não para de crescer e se expandir. Antigamente ao dizer para alguém que você trabalhava com computação já vinha logo na mente da pessoa que você passava o dia inteiro consertando e formatando computadores, mas hoje, com o avanço tecnológico, a história está um pouco diferente.

 

Sempre houve uma divisão dentro da TI, no entanto hoje ela se torna mais notável. Por exemplo alguém que trabalha com a parte de formatação e manutenção de computares pertence a Redes e Infraestrutura, enquanto aquele que passa o dia desenvolvendo sistemas atua com softwares, já os que atuam provendo dados e relatórios para áreas de Estatística e Estratégia pertencem ao BI (Business Intelligence). 
Esses departamentos mencionados acima são apenas alguns dentre muitos que estão abaixo da área de TI, sendo que alguns deles ainda podem conter sub-departamentos como é o exemplo do departamento de Softwares, no qual o profissional pode atuar dentro do sub-departamento de Sustenção, Projetos, Implantação, Fabrica de Softwares, Auditoria, entre outras.

 

Nesse artigo, venho apresentar à vocês, com base em pequisas de sites de emprego e matérias com especialistas no assunto, quais são as 10 profissões de TI que estão em alta em 2017 e tendem a continuar crescendo em 2018.

 

Quando digo "10 profissões mais quentes" quero dizer que estão falando e discutindo sobre elas em diversos sites; recrutadores estão buscando profissionais com esse perfil e em países mais desenvolvidos essas profissões já estão em alta há algum tempo. Veja a seguir a lista:

 

Em 1° Lugar: Cientista de Dados - É uma profissão nova, geralmente composta por profissionais que vieram das áreas de BI ou Estatística e possuem habilidades e conhecimentos para lidar com grandes volumes de dados e resolver problemas de alta complexidade. Atualmente é onde você consegue conquistar salários maiores se for um bom profissional já que como essa função é nova não temos muitos profissionais qualificados no Brasil.

 

2º: Arquiteto de Softwares - Posição ocupada, geralmente, por profissionais com mais de 8 anos de experiência com desenvolvimento de softwares e que possuam certificação de ferramentas para solução de desenvolvimento além de pós graduação em Engenharia de Softwares ou áreas correlatas.

 

3º: Analista Desenvolvedor de Sistemas - Praticamente esses profissionais fazem dois papéis em um, já que trabalham tanto na especificação de sistemas como no seu próprio desenvolvimento. Para ocupar essa posição é necessário ter conhecimento em análise, levantamento de requisitos e ser muito bom em alguma linguagem de programação. Será um diferencial ter certificações e possuir habilidades para negociar com clientes e usuários de sistema.

 

4º: Desenvolvedor Mobile - Com a crescente demanda de smartphones e tablets no mercado, faz-se necessário contratar-se cada vez mais profissionais com as habilidades necessárias para desenvolver soluções mobile e por isso essa profissão tende a crescer cada vez mais ao longo dos anos.

 

5º: Desenvolvedor Front-End - Profissional responsável pelo desenvolvimento de softwares no qual irá utilizar mais recursos do cliente do que do servidor. Atualmente existem novas linguagens de programação que permitem um alto ganho de performance ao realizar diversas operações e rotinas sem submeter a página de um site para o servidor. Cada dia que passa estão se tornando mais comuns essas linguagens como por exemplo: Angular JS, Node JS, JQuery, Type Script, etc...

 

6º: Desenvolvedor Full-Stack - Literalmente é um profissionais que faz de tudo dentro da área de desenvolvimento, desde análise, modelagem de banco de dados e programação em diversas linguagens até formatação e pequenos reparos em computadores.

 

7º: Gestor de Projetos - Preferencialmente os que possuem certificação PMP, ITIL e PMI ACP.

 

8°: Analista de BI - Apesar de haver a nova modalidade de Cientista de Dados essa profissão ainda está em alta, porém pode perder forças nos próximos anos e por isso está em oitavo lugar.

 

9º: Desenvolvedor Web - Profissional que possui expêriencia e conhecimentos em desenvolvimento e configuração de websites e ecommerces.

 

10°: Analista de Negócios - Não necessariamente esse profissional precisa ser da área de TI, mas para alguns casos as empresas optam por aqueles que já possuem experiência com desenvolvimento e análise de sistemas. Esses profissionais são responsáveis por entender a fundo dos negócios da empresa ou do cliente para qual prestam serviços e elaborar soluções tecnológicas baseadas em suas necessidades.

 

Espero que tenha gostado do artigo e esse venha auxiliá-lo na decisão de qual rumo irá tomar na sua carreira.

 

Próximo passo: Inscreva-se em nosso site e adquira cursos de TI por preços bem abaixo do mercado em nossa página de materiais de apoio clicando aqui.

 

Leia também: Hora certa de fazer um MBA ou Especialização

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Em Destaque

Elaborando uma Matriz de Competências

April 29, 2019

1/9
Please reload

Posts Recentes

September 1, 2017

Please reload

Buscar porTags
Siga-nos
  • YouTube Social  Icon
  • LinkedIn Social Icon
  • Facebook Classic
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now